Anuncie neste site

“Projeto da Pastinha” estimula hábito da leitura entre alunos do Colégio Militar de Guaraí


Foto: Divulgação/SEDUC-TO - O projeto é de autoria da professora Lilian Pires de Oliveira Moura, que ministra a disciplina de Língua Portuguesa e vem sendo adotado antes mesmo de a unidade ser incorporada ao sistema militar de ensino.
Foto: Divulgação/SEDUC-TO - O projeto é de autoria da professora Lilian Pires de Oliveira Moura, que ministra a disciplina de Língua Portuguesa e vem sendo adotado antes mesmo de a unidade ser incorporada ao sistema militar de ensino.

Publicado em 17/06/2019 16:13 - Categoria: Educação

Uma iniciativa desenvolvida no Colégio da Polícia Militar de Guaraí vem obtendo ótimos resultados com alunos que possuem dificuldades de leitura e interpretação de textos. Chamado de “Projeto da Pastinha”, a metodologia, que inclui atividades diferenciadas, inclusive com os pais, concorre a uma premiação da Secretaria Estadual de Educação, Juventude e Esportes (SEDUC).

 

O projeto é de autoria da professora Lilian Pires de Oliveira Moura, que ministra a disciplina de Língua Portuguesa. Cada aluno recebe uma pastinha com atividades extras, que devem ser estudadas em casa. A escola também prepara os pais ou responsáveis dos alunos, especialmente aqueles que possuem mais dificuldades, para que eles saibam orientar seus filhos no turno extraclasse.

 

Lilian explica que o projeto já vinha sendo adotado antes da unidade ser incorporada ao sistema militar de ensino e os resultados mostram que a ação tem feito a diferença para os envolvidos. “A aprovação dos alunos que tinham dificuldades foi bem maior, muitos também evoluíram na oratória, sem contar que as atividades acabaram envolvendo a família de maneira mais ativa”, frisou.

 

Foto: Divulgação/SEDUC-TO

Projeto envolve os pais ou responsáveis pelos alunos, que também recebem treinamento para poder melhor orientar seus filhos.

 

Colégio Militar de Guaraí

 

Criado em 2018, o Colégio da Polícia Militar de Guaraí é mantido pelo Governo do Estado, por meio de uma parceria entre a Secretaria Estadual de Educação, Juventude e Esportes (SEDUC) e a Polícia Militar (PM). A unidade funciona provisoriamente desde o início deste ano de 2019 em um prédio alugado (antiga Escola Palotina), até que a construção da nova sede seja concluída.

 

Selo “Quem Educa, Faz!”,

 

O selo “Quem Educa, Faz!” é uma premiação criada pelo Governo do Estado em maio deste ano, que visa estimular as melhores práticas educacionais adotadas por professores que atuam em escolas públicas do Tocantins, sejam elas da rede municipal ou estadual. Os profissionais selecionados recebem placas comemorativas, certificados e também participam intercâmbios culturais.

 

Compartilhe: