Anuncie neste site

O novo rosto da política brasileira


Foto: Arquivo Pessoal - O Autor faz um panorama de alguns dos principais nomes eleitos em 2018, exemplificando o papel da internet em algumas das principais escolhas.

Publicado em 15/10/2018 16:11 - Categoria: Opnião

Por Cícero Bezerra.

 

Esta eleição foi marcada pelas redes sociais e pela velocidade da divulgação das intenções de votos - e que em alguns casos se tornaram impossíveis de serem medidas pelos institutos - trouxe para o cenário político brasileiro 243 parlamentares que exercerão seu primeiro mandato compondo um índice acentuado de renovação.

 

Seguem alguns que se destacaram:

 

Joice Hasselmann (PSL) - Segunda candidata mais votada para a Câmara dos Deputados em São Paulo, com mais de um milhão de votos. É jornalista, tem 40 anos, se destacou no Paraná e depois mudou-se para São Paulo seguindo “debaixo do guarda-chuva” do candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL).

 

Um destaque para a jovem Tabata Amaral (PDT) - Nascida na periferia de São Paulo, formou-se em Ciências Políticas e Astrofísica na Universidade de Harvard. Lançou seu nome e foi eleita.

 

André Janones (Avante) - Terceiro candidato à Câmara dos Deputados mais votado por Minas Gerais, com 178,6 mil votos, o advogado, de 34 anos, ficou conhecido como voz ativa na greve dos caminhoneiros de 2018, sem, contudo, nunca ter dirigido um caminhão – assim, conclui-se que é alguém que soube aproveitar uma crise social para se promover.

 

Áurea Carolina (PSOL) - Com bandeiras como o combate ao racismo e em defesa dos direitos das mulheres, foi a quinta deputada mais bem votada, com 162,7 mil votos.

 

Helio Negão (PSL) - Uma das novidades na Câmara, o candidato mais votado pelo Rio de Janeiro é afilhado de Jair Bolsonaro, e obteve 345.234 votos. Subtenente do Exército, 49 anos, fez várias aparições ao lado do presidenciável.

 

Flordelis (PSD) - Outra cara nova na bancada do Rio de Janeiro na Câmara, ela é pastora evangélica e cantora gospel. Tem 55 filhos (quatro deles são biológicos) e um instituto que acolhe crianças e adolescentes de rua.

 

Marcel van Hattem (Novo) - Campeão de votos para a Câmara Federal no Rio Grande do Sul, aos 32 anos é um político crítico da esquerda e que se define como liberal. Aos 18, foi eleito vereador de Dois Irmãos, no Vale do Sinos.

 

Marlon Santos (PDT) - O médium de 43 anos tem trajetória na política, mas chega pela primeira vez ao Congresso Nacional. Ele já foi deputado estadual do Rio Grande do Sul e prefeito de Cachoeira do Sul, sua cidade natal.

 

Eduardo Bolsonaro (PSL) – 34 anos, filho de Jair Bolsonaro, foi o deputado federal mais votado de São Paulo e de todo o Brasil. Seu desempenho foi de 1,8 milhão de votos, o mais alto para um candidato a deputado federal na história.

 

Esse é o rosto plural da nossa representatividade. Cabe agora acompanhar, buscar representatividade, monitorar para que as necessidades reais dos cidadãos sejam atendidas, que leis justas sejam implementadas e que a justiça de Deus prevaleça sobre nossa terra querida e amada, o Brasil.

 

-----------------------------------------

 

Cícero Bezerra é coordenador do curso de Teologia Bíblica Interconfessional do Centro Universitário Internacional Uninter.

Compartilhe: