Anuncie neste site

Idoso sofre acidente em Guaraí e PRF encontra arma de fogo nos seus pertences


Foto: Divulgação/WhatsApp - Acidente de trânsito foi registrado na travessia urbana da BR-153, mais precisamente no trevo de acesso ao Hotel Soledade.
Foto: Divulgação/WhatsApp - Acidente de trânsito foi registrado na travessia urbana da BR-153, mais precisamente no trevo de acesso ao Hotel Soledade.

Publicado em 15/05/2018 11:14 - Categoria: Policial

Um senhor de 74 anos ficou ferido em Guaraí no final da tarde desta última segunda-feira (14/05), depois de sofrer um acidente de trânsito na travessia urbana da BR-153, no trevo de acesso ao Hotel Soledade. Segundo as informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), acionada para prestar atendimento, o idoso estaria portando uma arma de fogo carregada.

 

Ainda conforme as informações repassadas pela PRF, o acidente envolveu um VW/Up e uma motocicleta Yamaha/XTZ 125E. O idoso conduzia a moto que acabou colidindo na lateral do veículo de passeio. Socorrida, a vítima foi levada para o Hospital Regional de Guaraí (HRG), sendo posteriormente transferido para Palmas, com lesões no queixo, em um dos braços e no crânio.

 

A arma, uma pistola calibre 765, possuía ainda seis munições intactas. Inicialmente a informação da PRF era de que o idoso não tinha porte da arma, por este motivo, o caso foi notificado à Polícia Civil. Porém, uma pessoa que não se identificou, entrou em contato com a PRF e garantiu que o idoso tem o porte da pistola e que vai apresentar a documentação para comprovar.

 

Conforme o artigo 12 do Estatuto do Desarmamento, possuir ou manter sob sua guarda arma de fogo ou munição, de uso permitido, em desacordo com determinação legal, pode gerar penas entre um e três anos de detenção, além de multa. Por ser inferior a três anos, tal sanção costuma ser convertida em medidas alterativas, portanto, se houver crime, a situação se aplica a este caso.

 

Foto: Divulgação/PRF-TO

Idoso de 74 anos, ferido no acidente, portava uma pistola calibre 765 com seis munições intactas.

 

Acidentes de trânsito matam 45 mil pessoas por ano no Brasil:

 

Conforme dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), os acidentes de trânsito no Brasil matam cerca de 45 mil pessoas todos os anos, deixando ainda mais de 300 mil pessoas com lesões graves. Além do elevado número de mortes e lesões, a violência no trânsito custa a sociedade brasileira cerca de R$ 40 bilhões anuais, uma dura realidade que o país enfrenta.

Compartilhe: