Anuncie neste site

Homem invade hospital regional e provoca pânico entre funcionários e pacientes em Guaraí


Foto: Guaraí Notícias - Esta não seria a primeira vez que o indivíduo invadia o hospital. Na última quinta-feira (20/02), segundo informado, o mesmo homem procurou atendimento na unidade e tentou agarrar uma paciente na enfermaria.
Foto: Guaraí Notícias - Esta não seria a primeira vez que o indivíduo invadia o hospital. Na última quinta-feira (20/02), segundo informado, o mesmo homem procurou atendimento na unidade e tentou agarrar uma paciente na enfermaria.

Publicado em 22/02/2020 05:32 - Categoria: Policial

Um homem, que aparentava ser portador de transtornos mentais, invadiu na madrugada deste sábado (22/02), por volta das 5:20h, o Hospital Regional de Guaraí (HRG). O indivíduo se trancou dentro de um quarto, onde dois pacientes estavam internados. Ele foi retirado do local com a ajuda da Polícia Militar (PM).

 

Um vídeo gravado por funcionários que estavam de plantão na unidade mostra o momento exato em que os policiais arrobam a porta do quarto e retiram o indivíduo, que não teve a sua identidade revelada. Apesar do grande susto, ninguém se feriu e a ação acabou deixando apenas alguns prejuízos materiais.

 

 

Ainda conforme o relato de profissionais que trabalham no HRG, mas preferem não ser identificados, esta não seria a primeira vez que o indivíduo invadia o hospital. Na última quinta-feira (20/02), segundo informado, o mesmo homem procurou atendimento na unidade e tentou agarrar uma paciente na enfermaria.

 

O incidente expôs ainda uma das grandes fragilidades da unidade, que apesar do grande fluxo de pacientes que recebe, não possui equipe permanente de segurança. Esta também foi uma das necessidades apontadas pelos profissionais que trabalham no local e cobram investimentos neste sentido.

 

Nota da Secretaria Estadual da Saúde (SES/TO)

 

Em nota, a SES/TO, responsável pela gestão do HRG, informou que realiza estudos internos (em fase final) visando a contratação de uma empresa especializada em segurança para atender as unidades da qual é responsável. A pasta ainda lamentou o ocorrido e agradeceu o apoio prestado pela PM/TO.

Compartilhe: