Anuncie neste site

Bezerra que nasceu com deformidade facial chama atenção de chacareiros em Guaraí


Foto: Divulgação - O animal veio ao mundo apresentando deformidades faciais não muito comuns e sobreviveu por apenas 24 horas, já que não conseguia se alimentar.
Foto: Divulgação - O animal veio ao mundo apresentando deformidades faciais não muito comuns e sobreviveu por apenas 24 horas, já que não conseguia se alimentar.

Publicado em 12/03/2018 18:35 - Categoria: Curiosidades

Uma bezerra nascida neste último sábado (10/03), surpreendeu um casal de chacareiros que vive na zona rural de Guaraí. O animal veio ao mundo apresentando deformidades faciais não muito comuns e sobreviveu por apenas 24 horas, já que não conseguia se alimentar.

 

As fotos da bezerra foram enviadas para a redação do Guaraí Notícias, que entrou em contato com os chacareiros por telefone. De acordo com o casal, o animal é fruto da 1ª cria de uma novilha cruzada (tabapuã/nelore) e a gestação, ainda segundo informado, ocorreu de forma normal, sem intercorrências.

 

“A gente nunca tinha visto um negócio desses aqui na propriedade. A bezerrinha nasceu com uma fissura labial e tinha até dentes formados. A gente percebeu ainda um negócio que parecia ser um tumor, localizado na parte de trás da cabeça”, explicou a lavradora Aciolina Oliveira da Silva, de 48 anos.

 

Foto: Divulgação

Responsáveis pelo animal nunca tinham visto esse tipo de deformidade.

 

Aciolina, que é mais conhecida como “Dona Ci”, disse que ela e seu esposo, o também lavrador José Pereira Rocha, de 76 anos, conhecido como “Zé Adão”, lidam como cria, recria e engorda de gado e possuem uma pequena propriedade de 10 alqueires, de onde tiram o sustendo para sobreviver.

 

A hipótese mais provável, segundo especialistas em veterinária, é que o animal tenha sofrido uma mutação genética durante o desenvolvimento uterino, situação que ocorre em menos de 3% dos nascimentos de bezerros, resultado de infecções, ingestão de ervas, deficiência nutricional ou fatores hereditários.

 

Foto: Divulgação

Bezerrinha possuía uma espécie de tumor na parte de trás da cabeça.
Compartilhe: